27 junho 2012

FAÇA O QUE EU MANDO; NÃO O QUE EU FAÇO..

          Quero meditar  hoje com você amigo leitor e visitante sobre a passagem de Mateus 23, quando Jesus diz assim verso 23:  "Portanto, tudo o que vos disserem, isso fazei e observai; mas não façais conforme as suas obras; porque dizem e não praticam". Jesus se refere ao estilo de vida dos fariseus e orienta o povo a fazer tudo o que eles mandarem, mas não deveriam fazer conforme as suas obras. 

          Você já ouviu aquele ditado que diz assim : " FAÇA O QUE EU MANDO, MAS NÃO FAÇA O QUE EU FAÇO". Jesus de certa forma, direta ou indiretamente, diz que os ensinos dos fariseus eram dignos, digamos, de serem observados. Pelo menos é isto que fica implícito nesta passagem. 

            Eu fiquei pensando muito nisso nesses dias, quando um tele pastor desafiou todos os blogueiros, pastores conservadores, críticos, sei lá, todo mundo, a refutar os ensinos dele, que pregaria na tv em dois programas. 
            Bem, eu li tanto comentário refutando o tele pastor que sinceramente perdi horas de descanso, no sábado e domingo, para ler os trabalhos de apologética, digamos assim, que surgiram na blogosfera . Foi incrível !!! Muita coisa boa mesmo, de verdade.  Entre tantos discursos repletos de belas retóricas para refutar o tal pastor, eu visitava o blog do "apologeta de plantão" e o que eu lia, era realmente fantástico ! Os conselhos, as pancadas bíblicas eram tremendas (risos), mas eu vi muito mais oportunistas que realmente homens interessados em mostrar a verdade.

            Não estou sendo pago para defender o pastor desafiador desafiante. Nem pretendo isso. Não tenho contato com ele, nem sou do ministério dele. Ele aliás não sabe nem que eu existo e há muitos anos deixei de colaborar com o ministério dele e nem sequer comprei alguma coisa dele, ha anos. 
Mas meus irmãos, quem se aproveitou para VERBERAR contra a teologia da prosperidade do capeta, do cão, do bicho ruim, fazia propaganda de suas campanhas em suas igrejas com versículos de efeito, do tipo: " RECOMPENSA DIVINA, SEMEANDO EM TERRA FÉRTIL,  e por aí vai....
    Vi um pastor falando horrores do tal pastor, mas ele mesmo mora confortavelmente em ORLANDO nos EUA...interessante né irmão ? O pastor descendo a "lenha no outro", mas morando onde tem dólar né? Estudando os filhinhos em escolas americanas, vivendo em meio aos pastores americanos, em país de primeiro mundo...sem querer ser ignorante, mas ISSO NÃO É COISA DE PASTOR HIPÓCRITA ?
FAÇA O QUE EU MANDO MAS NÃO FAÇA O QUE EU FAÇO ?

     Senhores pastores, ou somos transparentes diante de Deus, ou não somos nada....ficar na América longe de todos e falando mau dos outros pela internet, escondido numa fortaleza estrangeira, longe do olhar dos membros brasileiros, é muito fácil...pregar que a teologia do bispo, do apostolo, do pastor, do conferencista é coisa de herege de quem se desviou do verdadeiro evangelho é fácil, QUERIA QUE ESTES HIPÓCRITAS VIVESSEM O QUE PREGAM E REFUTAM.

       O tele pastor é um herege, porque ensina a TEOLOGIA DA PROSPERIDADE, mas estes que supostamente refutam este mau, são, tão culpados quanto aqueles. Na realidade se não se converterem todos de igual modo perecerão..e o caldeirão do diabo vai ficar cheio deste tipo de gente. Estou sendo duro e julgando todo mundo? Não, de maneira alguma, estou vendo isso apenas como um pequeno pastor que assiste os SUJOS X MAU LAVADOS...

Em Cristo
Pr Ivair J. Lehm

19 junho 2012

RELIGIÃO: UMA BARCA FURADA...

        Hoje quero falar sobre um assunto que a maioria de nós, domina, ou pelo menos, pensa dominar muito bem. 
Primeiro precisamos definir o que é religião. No dicionário quer dizer: Religião (do latim religare, significando religação com o divino ) é um conjunto de sistemas culturais e de crenças, além de visões de mundo, que estabelece os símbolos que relacionam a humanidade com a espiritualidade e seu próprios valores morais.

       Na carta universal do apóstolo Tiago, o irmão de Jesus, podemos ler um versículo que mostra uma definição sobre a mesma: " A religião pura e imaculada diante de nosso Deus e Pai é esta: Visitar os órfãos e as viúvas nas suas aflições e guardar-se isento da corrupção do mundo". Tiago 1:27

           Perceba que enquanto tem muita gente pensando ser religioso, vive distante da presença de Deus, ou daquilo que o Senhor aprovaria para esta pessoa.

         O problema é que a maioria das pessoas guardam exatamente aquilo que é definido pelo homem como religião. As pessoas querem ser espirituais guardando regras, dogmas, costumes, doutrinas formuladas por homens ao longo dos tempos. As pessoas vivem uma vida religiosa, moralista, pensando serem espirituais. Se quisermos ser religiosos, devemos "visitar os órfãos e viúvas em suas aflições e guardar-se da corrupção do mundo". Quando analisamos isso, os "religiosos" observam o "guardar-se da corrupção do mundo" apenas, mas essa corrupção, não é somente naquilo que se vê, ou seja, em roupas, costumes culturais, é guardar-se de ter por exemplo, uma língua que difama seu próximo; não viver uma vida em busca da santidade interior, pois as pessoas pensam que ser espiritual, basta pertencer a uma denominação, ou guardar uma "doutrina" rígida. 
Os religiosos dos tempos de Jesus, chamados fariseus, "separados", eram exatamente isso. Tinham, além das leis de Moisés, um código de pelo menos mais 150 leis, para demonstrarem uma santidade, e uma vida de piedade. E se você já leu, verá em Mateus 23 que Jesus reprova veementemente estilo de vida.

Cristianismo é diferente ! O religioso fundamenta sua vida nos costumes e dogmas da denominação que frequenta; o cristão fundamenta sua vida no exemplo de Cristo. Religioso vive debaixo de um jugo de homens e leis impostas pelos lideres; o cristão deixa o jugo do pecado aos pés de Cristo. O religioso, vive de sacrifícios como meio de agradar e receber algo de Deus, o cristão, confia no Senhor para ajudá-lo.
         O religioso vive uma vida de sacrifícios e regras como meio de alcançar ou receber algo de Deus, como se isso pudesse aperfeiçoar sua espiritualidade, o cristão  vive uma vida de humildade diante do Senhor.
           O religioso busca os erros dos outros para apontar,e muitas vezes esconder os seus próprios erros, o cristão confessa os próprios erros para Jesus o perdoar. O religioso teme o inferno, o cristão sabe que em Jesus, não precisa temer o futuro.

       A pior coisa que pode acontecer a uma pessoa é viver uma vida religiosa, achando que cristianismo é sinônimo de dogmas, leis, sacrifícios e imposições, pois a religião aprisiona, cauteriza a mente, deforma o caráter. O cristão tem a mente de Cristo. A maioria dos religiosos são fanáticos. O cristão é tolerante e paciente. 


         Deus conhece o que existe no coração do ser humano e é de lá, ou é lá, que se tem o verdadeiro caráter de uma pessoa. O cristão é morada do Espírito Santo e Este é o seu guia no meio de um mundo em trevas !!!
         O religioso é produto da sua denominação, o cristão é templo do Espírito Santo de Deus !!!!
        Todo religioso, aquele que guarda um sistema de leis religiosas, é triste, infeliz e muitas vezes oprimido pela própria religião. 
        O cristão é diferente, pois vive o cristianismo e cristianismo não é religião; é liberdade, é paz, é gozo, alegria no Espírito Santo, é certeza de salvação, pois o cristão sabe que nada que faça poderá melhorar ou aperfeiçoar sua salvação, pois Jesus fez o sacrifício ÚNICO, ETERNO E VERDADEIRO.

      Religião é uma barca furada, pois em um momento ou outro se torna ultrapassada.
           Cristianismo é vida diária, é PRÁTICA, é comunhão direta com Deus, através do SANGUE DE JESUS, é vida de vitória nas promessas de Deus.

            Se você esta vivendo uma religião, abandona esse barco, pois ele vai afundar em breve. Eu te apresento JESUS, aquele que morreu na cruz por te amar, ELE é MAIOR que tudo que você possa imaginar, ELE É A PRÓPRIA SALVAÇÃO !!!!

Em CRISTO, 
Pr Ivair J. Lehm  

16 junho 2012

EU ME RECUSO A PREGAR ESTE EVANGELHO

          Uma vez estava eu num culto de pastores e um dos ministrantes falou algo que muito me chamou a atenção, assim ele disse: " 80% do ministério de Jesus, foi em torno do dinheiro" !!!
           Ao ler esta frase que eu ouvi, você deve ter ficado como eu fiquei, "chocado". E o pior de tudo, foi que a pregação, ou ministração do tal conferencista, a maioria dos pastores, sem querer julgar, deram glórias a Deus e até falaram em línguas. De lá pra cá a coisa apenas piorou. Hoje os ensinos de como incentivar o povo a "semear" tem se propagado de forma abusada na TV. As mensagens nos grandes congressos e encontros, giram em torno de " eu profetizo..eu libero uma palavra profética, na sua vida financeira...você terá a sua empresa, seu cargo político, etc..." tudo gira apenas em torno da vida terrena, dos prazeres deste mundo. 
          As mensagens são mais de auto ajuda, mensagens que exaltam e massageiam o ego de quem ouve, mensagens que promovem o evangelho do hedonismo, ou seja a busca do prazer, da satisfação e realização material, sem compromisso com Deus e sua Palavra. 
          Poucas mensagens chamam o homem e a mulher para uma vida de separação do mundo, para uma vida de sinceridade com Deus.
Jesus falou sobre coisas que as mentes de muitos pregadores e pastores já não suportam, nem alcançam hoje em dia.
          Jesus falou sobre o céu, sobre a vida eterna, sobre a perdição eterna e castigo eterno sobre os "folhos da desobediência", mas isso não trás uma boa fama ao pregador, por isso, falar sobre conquistas, triunfos, vitórias financeiras, etc dá mais ibope e trás títulos como: profeta de deus, apostolo, conferencista internacional, bispo, mestre, etc..
       Você já ouviu muitas mensagens sobre unção financeira, unção de prosperidade, unção de vitória, etc...na verdade eu creio que nem mesmo o pregador acredita no que prega, ele apenas prega por conveniência e não por convicção ou crença !!! 
       A Bíblia diz que " o jugo será despedaçado por causa da unção" Isaías 10:27. Você não encontra em lugar algum da Bíblia, essas invencionices sobre unção financeira, conquistas, etc
        Infelizmente o Evangelho genuíno e verdadeiro de Jesus, não é pregado, e por vezes nem aceito em alguns círculos ditos "evangélicos". SABE POR QUE ?
Por que o Evangelho de Cristo, é o evangelho da CRUZ, do SACRIFÍCIO, da RENÚNCIA...e este evangelho não produz efeitos financeiros para muita gente. Este evangelho não trás status de apostolo, conferencista internacional, nem muito menos abre portas políticas, nem as portas da mídia, em enche os cofres da entidade para bancar a vida luxuosa do pastor...mas aos meus amigos que gostam deste evangelho ("anátema") da prosperidade eu faço aqui um lembrete:  O EVANGELHO DE CRISTO ABRE AS PORTAS CELESTIAIS.
      Eu não me sinto inferior a nenhum pastor que está em destaque na mídia, aqueles que andam de carros importados, com seus tablets, seus iphones originais, nem nada disso. Eu sei em quem tenho crido e faço aquilo que o Senhor me manda fazer. Sei que devo estar no centro da vontade de Deus, seja ela quando e onde for. Minha meta, meu objetivo é agradar Aquele que me alistou para a guerra e não uma multidão interessada apenas nos favores e bençãos de Deus.
       Eu sirvo a Deus, e como alguém já insistiu para que eu e outros mudássemos nossa pregação, por estarem ultrapassado, na visão deles, fico com o que disse o meu irmão apóstolo Paulo " não me envergonho do evangelho de CRISTO, pois é O poder de Deus, para SALVAÇÃO  de todo aquele que crê" Romanos 1:16.


         Eu me recuso a pregar um evangelho que se esquece do sacrifício de Jesus na cruz. Eu me recuso a pregar um evangelho que não busca a santificação e nem tem como objetivo a glória de Deus. Eu me recuso a pregar um evangelho que promete o que a Bíblia não promete, que promete uma vida que Jesus nunca prometeu. Eu me recuso a pregar uma prosperidade sem Deus, sem com promisso, sem envolvimento com o Senhor Jesus. Eu me recuso a pregar um evangelho sem arrependimento, sem a renúncia ao pecado. Eu me recuso a pregar um evangelho que não confronta o pecado, mas se alinha e se amolda a vida de pecado das pessoas, que suporta a falsidade e duplicidade da vida de muitos que lotam templos para ouvirem algo que lhes agrada. Eu me recuso a pregar um evangelho onde Jesus é apenas o doador de bens materiais. Eu me recuso a pregar um evangelho onde Jesus fica em segundo plano para que o pregador seja a estrela da noite, onde o louvor é apenas uma apresentação parodiana de uma vida que apenas canta, mas nunca adora verdadeiramente a Deus. Eu me recuso a pregar um evangelho onde o culto é apenas um "show gospel", onde as pessoas são brilham mais que Jesus.
        
           Pensemos um pouco se este evangelho do triunfo, sem cruz, sem renúncia, sem sacrifício, sem obediência, sem compromisso, pensemos se este evangelho apenas da conquista, da unção financeira, da unção da conquista, entre outros, se é o mesmo evangelho que Paulo, Pedro, João e os apóstolos e pais da igreja, pregavam, ou se um dia ele pregaram algo parecido com o que temos visto hoje em dia por aí.

De mais, permaneçamos naquilo que Jesus nos ensinou: " Sê fiel até a morte e dar-te-ei a coroa da vida" Ap 2:10

Em Cristo, 
Pr Ivair J. Lehm

11 junho 2012

EXISTE ALGO PODRE POR AÍ....

           No primeiro dia do ano de 2011, fui com minha esposa participar de um almoço, a convite de um tio na cidade de Pacaembu, onde morei quando era jovem. Lá encontrei meu irmão e outros parentes que não via ha algum tempo. Quando perguntei pelo meu irmão e alguns primos, fui informado que estavam no cemitério, colocando cerâmica no tumulo do meu pai, já que este se encontra sepultado naquela cidade. Então me dirigi até o cemitério e vi meus primos e meu irmão trabalhando ali. 
Realmente o trabalho ficou muito bom. A cerâmica é muito linda. Mas como conheço um pouco da palavra de Deus, logo me veio a mente a passagem de Mateus 23.
Depois de terminado, o tumulo ficou lindo por fora, mas dentro, so existem os restos mortais de meu pai.


          A Bíblia relata um discurso de Jesus dos mais profundos e contundes: Mateus 23. Neste capitulo Jesus repreende os fariseus por causa de sua vida superficial. A superficialidade da vida dos fariseus era tamanha que foram comparados a túmulos. 


           Este fato foi e é tão revelador de corações que é impossível tentar torcer o que o Senhor reprovou.
          Este deveria ser o capítulo mais lido pelos cristãos que realmente querem viver uma vida sincera e praticar o cristianismo de forma mais real, ou pelo menos, mais parecida com a vontade do Senhor.
           É incrível como existem pessoas se escondendo atrás de doutrinas de homens, os chamados costumes. As pessoas pensam que por não usarem, ou não fazerem isso ou aquilo, estão habilitadas a viverem uma vida acima de qualquer ordem, seja ela vinda de pastores, igrejas, pregadores, ou mesmo, em alguns casos, até do próprio Deus.

       Você que está lendo esta mensagem, já deve ter visto, presenciado algumas atitudes de pessoas em relação aos irmãos ou a própria igreja, que parece até não ser real.
        Pense comigo: qual a diferença entre alguém pintar os cabelos de amarelo ou preto? Você já deve ter ouvido alguém criticando outra pessoa por pintar os cabelos de louro, quando a mesma pessoa que critica, pinta os cabelos de preto. Ora, isso é uma hipocrisia tremenda, pois não importa  a cor que se pinta, o problema estaria no ato de pintar esses cabelos. Agora veja que existem pessoas que não pintam os cabelos e acham que por não fazerem isso, estão autorizadas a julgar e condenar a vida dos outros. Geralmente as pessoas que agem assim, são na sua maioria, as mais problemáticas dentro de uma igreja, são as que mais dão trabalho. São as que querem ser mais santas e justas que os demais.

          Sabe meus irmãos leitores, tenho visto que os que mais criticam os outros dentro de minha igreja, são os que não frequentam cultos de ensino, cultos da Escola Dominical, que não perdoam os irmãos, nem mesmo os familiares. São os que promovem fofocas, desordens, rebeliões. São os mais volúveis quanto as falsas profecias e supostas revelações. Esses são os sepulcros caiados dentro da igreja, por fora lindos, bem arrumados e dentro, cheios de podridão. São iguaizinhos ao túmulo de meu pai.

          Vejo pessoas sem caráter, sem comunhão com Deus, pessoas que ouvem sempre e nunca chegam ao conhecimento da verdade, pois preferem uma vida de fachada, uma vida escondidos atrás de uma suposta santidade, que na realidade não existe. Pessoas que não tem o habito de ler a Bíblia, que não oram com sinceridade a Deus, sempre usam de meias palavras para falarem com Deus, são pessoas que tentam se justificar até na oração que fazem. Pense um pouco mais: uma mulher crente usar brincos é um tremendo pecado, mas falar mau do pastor para os outros, não é pecado ?

         Uma mulher usar uma calça comprida é um terrível pecado, mas fazer fofocas, não pagar o dizimo do Senhor, tirar pessoas da igreja, causar rebeliões, isso é permitido ? Ou seja, apenas pelo fato de não jogar futebol, não usar calças jeans, isso nos coloca numa posição de SUPER CRENTES ? Apenas pelo fato das irmãs não usarem brincos, nem joias, nem maquiagem, nem calças compridas, etc isso faz delas santas a ponto de falarem e fazerem fofocas dentro da igreja? Haveria alguém isento de cumprir a lei de Cristo, que é o amor ao próximo, apenas porque se acha santo em extremo ? Um dia desses uma pregadora estava ministrando em minha igreja e começou a falar sobre costumes, falando sobre o mundanismo dentro das igrejas e quando observei seus pés, estavam pintados de esmaltes. Como alguém pode ser hipócrita assim ? Cheguei a conclusão que isso cega as pessoas, a ponto de não terem temor ao pregarem algo que deliberadamente não VIVEM...lembre-se que o EVANGELHO É PRÁTICA DE VIDA E NÃO FILOSOFIA DE BOTEQUIM.... Quando pregamos que Deus quer corações sinceros, somos taxados de mundanos, mas é o que o próprio Cristo disse nesta passagem: " Sepulcros caiados que por fora PARECEM formosos, mas interiormente estão cheios de ossos de mortos e de TODA IMUNDÍCIA" Mateus 23:27 Se aqui Jesus não está revelando a preocupação de Deus sobre o coração das pessoas, então não sei do que está falando !!!

         Existe muito crente dentro das igrejas que estão brilhando por fora, mas envoltos em densas trevas interiores !! Existem pessoas dentro das igrejas apenas com cerâmicas novas por fora, mas cheias de coisas podres por dentro.
         EXISTE ALGO PODRE POR AÍ NA VIDA DE MUITA GENTE....

Em Cristo
Pr Ivair J Lehm

04 junho 2012

A CULPA É DO DIABO !!!

             QUANDO eu era criança, tínhamos a mania de fazer algo errado e jogar a culpa nos outros. Era mais ou menos assim; a gente quebrava uma vidraça, ou acertava uma bolada no carro de alguém, enquanto jogávamos futebol na rua, ou outra coisa assim e logo arrumávamos um culpado e sempre este pobre culpado era o menor da turma ou o mais medroso.
            O tempo passou, aprendi que devo lidar com meu erros, assumir minhas culpas e buscar a todo instante me aperfeiçoar como ser humano e principalmente nos últimos 20 anos, melhorar como cristão.
           Mas tem algo engraçado no meio do povo de Deus. Tenho visto algumas pessoas vivendo uma vida de fachada e mentira diante de Deus. Vejo algumas pessoas vivendo um Evangelho que não está registrado na Bíblia e nunca foi pregado nem ensinado por Jesus ou seus apóstolos.
            È o evangelho do bode expiatório. Tenho visto pessoas que não crescem espiritualmente e nem sequer mudam na presença de Deus. Conheço pessoas que estão na igreja, no costume da denominação, na "doutrina" de pregadores e "profetas", mas que estão distantes de Jesus.
             Ocorre que estas pessoas que vivem uma vida de fachada, sem comunhão com o Espirito Santo, nunca são transformadas, são exatamente as mesmas durante anos a fio. Suas vidas continuam enroladas, amarradas, cheias de problemas pessoais, suas famílias continuam as mesmas, seus conflitos interiores continuam piores  a cada dia e elas estão sempre buscando um bode expiatório para se eximirem da culpa.
           Um dia desses conversava com uma pessoa sobre um assunto pertinente nas igrejas pentecostais, acerca de manifestações do Espírito Santo, e mencionei que o que estava ocorrendo estava contrário a palavra de Deus e ouvi da pessoa a seguinte expressão " mas eu aprendi assim e gosto de ver o fogo cair assim...assim..." eu então mostrei na Bíblias o erro doutrinário, mas  a pessoa insiste em viver a mentira que lhe ensinaram. Bem, nem Deus obriga alguém a obedecê-lo, mas não podemos exigir de Deus algo que não estamos dispostos a observar.
          É incrível como tem gente vivendo uma ilusão, sem compromisso com Deus e querem jogar nos outros a culpa de sua frustração espiritual. São tantas promessas que as pessoas ouvem como se fosse Deus falando e como não tem uma vida de oração, pautada na Palavra de Deus, vivem frustradas e com isso, jogam nos outros a culpa pelo seu FRACASSO. É o caso do título desta meditação de hoje: quando se pergunta a alguém o porque de seus problemas e insucessos, as pessoas dizem que a culpa é do diabo que tem se levantado contra elas. Mas fica a pergunta: João disse em sua  1ª carta 5:18 que " o maligno não toca quem é gerado por Deus e se conserva a si mesmo" (grifo meu), pois bem, como alguém que é gerado por Deus por sua Palavra e conserva-se a si mesmo nesta palavra, pode ser tocado pelo diabo ou ter os planos de Deus frustrados por ele ?
        Sinto muito, mas Isaías, inspirado por Deus, disse em 43:13 "Antes que houvesse dia Eu Sou e ninguém há que possa fazer escapar das minhas mãos; operando eu, quem impedirá?" então estaria Deus brincando com a gente e contando uma "mentirinha" ? Quando Deus opera ninguém, ninguém mesmo, nada pode impedir, mas constantemente, vemos pessoas dizerem que o inimigo se levantou e frustrou os planos de Deus.
         Devemos nos colocar na presença de Deus, pedir perdão pelos nossos pecados se houvermos cometido e nos orientarmos pela Palavra de Deus. Devemos reconhecer nossos erros, aprender a lidarmos com nossas frustrações e admitir quando erramos o alvo, pois assim o Senhor se compadecerá de nós. Acima de tudo, devemos ter uma vida de compromisso com Deus e sua Palavra e não tentarmos nos esconder atrás de uma fachada de "crente" e culpar os outros por nossas derrotas...assim, poderemos nos tornar transparentes diate de Deus....

Em Cristo
Pr Ivair J. Lehm

PESSOAS QUE ME SEGUEM

EM DEFESA DA PALAVRA DE DEUS

EM DEFESA DA PALAVRA DE DEUS

NOTÍCIAS CRISTÃS

VOCÊ PODERÁ GOSTAR TAMBÉM: