30 janeiro 2011

AINDA EXISTE CONFUSÃO ENTRE DOUTRINA E COSTUME

Parece ser um assunto ultrapassado, mas ainda vemos esse tipo de confusão no meio cristão evangélico.

Ainda vejo homens de Deus, pregando, ensinando, proibindo, disciplinando pessoas por causa de assuntos assim. Ainda vejo homens proibindo crianças de 10, 11, 12 anos, usarem anéiszinhos, correntinhas, esmaltes, e outras coisas que chamam de VAIDADE.

Recentemente estive numa igreja onde vi jovens de 15,16,17 anos, vivendo como adultos de 45, 50 anos. Fico pensando, que liberdade é essa pregada pelo pastor para este povo ? Que liberdade é essa que esse Jesus dá para um povo, que se quer pode cortar as pontinhas do cabelo, sob a pena de ir direto para o inferno ? Vi por vezes pessoas com costumes rígidos, se desviarem e fazerem todo o tipo "coisa", cometendo pecados que antes aborreciam. Acho que voce também já viu isso.

O costume pode mudar e variar de igreja para igreja, de região para região, de país para país, enfim, mas a doutrina essa nunca muda. Por exemplo: ser santo, buscar a santidade deve ser um objetivo, um alvo a ser buscado por todo cristão. Nunca vi um pastor de uma suposta igreja porta larga, pregar a favor, incentivar alguém a cometer um crime, adultério, fornicação, roubo, etc..isso sim são coisas, praticas que ferem a santidade de Deus e levam alguém ao inferno, caso não se arrependa.

Devemos saber diferenciar entre costume e doutrina. Um anel no dedo de uma irmã, jamais mudará o teor, o amor, de Deus por uma alma.

Jovens adolescentes de 12 anos, impedidos de jogarem futebol, pois se ensina que isso é pecado...irmãos, eu também penso que tudo me é licito, mas nem tudo me convém, como ensinou e exmplificou o apostolo Paulo em 1ª Corintios, nem tudo edifica, nem tudo exalta a Deus, nem tudo glorica o seu Nome.

Mas ensinar que uma jovem, ou um jovem de 15,16,17 anos não pode se arrumar para ir ao templo, ensinar que não se pode ficar mais bonita ou mais bonito é realmente não compreender a essencia do evangelho.

Existem aqueles que proibem até usar perfumes...

Busquemos em Deus e em sua Palavra a direção certa e o entendimento para nossas vidas, pois além de salvar as nossas almas, Jesus quer que sejamos acima de tudo, FELIZES...

Pr Ivair J. Lehm

14 janeiro 2011

TRAGÉDIA NO RIO: CATÁSTROFE OU SINAL DOS TEMPOS ?

É de lamentar profundamente o ocorrido no Rio de Janeiro na região serrana. Em 2010 foi Angra dos Reis e agora Petrópolis, Teresópolis e Nova Friburgo.


Não conheço esses lugares, a não ser Angra dos Reis onde já estive em 1995. Mas é profundamente tocante ver as imagens na tv e internet. sofrimento, percas materiais e familiares, choro, desespero, mas acima de tudo um povo que agradeçe a Deus por ainda estar vivo e porder ter a chance de recomeçar.

A imagem da senhora sendo resgatada por vizinhos com uma corda, correu o mundo e chocou quem viu a força da natureza na maior catástrofe da história do Brasil.

Em meio a tanta dor e sofrimento, ouvi alguém dizendo: " isso é a mão de Deus cobrando o povo "
Confesso que fiquei irritado, pois, já é triste o fato da tragédia em si, e alguém vai ainda colocar a "culpa" em Deus.

É demais pra mim. Todos sabemos que Jesus disse muita coisa sobre os tempos do fim, como terremotos, maremotos, inundações e toda espécie de males...mas dizer que isso é a mão de Deus cobrando o povo, é procurar no mínimo dizer que Deus deixou de ser misericordioso !!!

Não se deve comparar a má administração dos governos de homens corruptos sem compromisso com a população, com a atitude de Sodoma e Gomorra, que fez o juízo de Deus cair sobre eles.

Afinal todos somos pecadores...

O que ocorreu no Rio mais uma vez, como ocorre em todo o Brasil, está muito mais ligado ao DESGOVERNO que temos, do que com a cobrança de Deus por causa do pecado na terra.

Que seja um sinal do fim dos tempos vá lá, agora nivelar esse sofrimento com Sodoma e Gomorra é no mínimo desumano e anticristão.

Que Jesus está voltando, isso não se descute, mas como cidadãos que somos devemos ter em mente que a falta de investimento em infraestrutura, moradia decente, e principalmente dignidade, é a principal causa deste desastre sobre nossos irmãos cariocas...


Que Deus nos ajude a entender entre sinais da vinda de Jesus e os governos ineficazes do Brasil

Em Cristo,

Pr Ivair J. Lehm

13 janeiro 2011

PORQUE ME CHAMAIS DE SENHOR E NÃO FAZEIS O QUE VOS MANDO ?

Jesus nunca se esquivou, nem se omitiu quando confrontado por quem quer que fosse.
Quando os fariseus buscavam achar nele alguma falta, suas respostas eram incisivas, claras e diretas.
Vemos hoje em dia uma atitude muito diferente daqueles que se dizem cristãos.
O ensimento do Senhor Jesus e dos apóstolos era para que os cristãos tivessem um mesmo pensamento e uma mesma opinião. Não era normal uma pessoa, um discípulo mudar de opinião de uma momento para outro, ou mesmo sobre um assunto que viesse contra a Palavra de Deus.
Hoje as pessoas mudam de opinião de acordo com a moda, com a opinião alheia e de acordo com o momento que esteja vivendo.
A Palara de Deus é a sua expressão máxima e esta Palavra não muda e não mudará jamais.
Quem era contra o pecado, hoje em dia dizem que "devemos repensar nossa posição" devido aos tempo que vivemos.
Pessoas que anos atrás mantinham uma vida de integridade a Deus, hoje vivem uma vida até mística e o pior, misturada com algumas coisas totalmente contrárias a Palavra do Senhor.
Tenho visto nos ultimos tempos como as pessoas não se dão conta de que muitos lugares chamados de igreja evangélica, não pregam mais a Palavra de Deus, mas apenas pontos que apoiam suas doutrinas, para "fazerem a cabeça" de seus membros.
Como falta pregação bíblica nas igrejas novas, estas que aparecem todos os dias nas esquinas das cidades.
Portas e portas abertas, supostamente em nome de Jesus, com uma falsa preocupação com as almas, mas que no fundo, no fundo, bem lá no fundo, são lideradas por lobos devoradores, que almejam a lã, o leite e a carne das ovelhas. Supostos pastores que visam apenas DINHEIRO, preocupação com almas, apenas para darem seus dizimos ali.
Pregação, Palavra de Deus, comprometimento real com salvação, santificação, crescimento espiritual...isso passa muito longe dali.
Que Deus nos ajude a separar ou pelo menos saber discernir entre o joio e o trigo.

Lembremo-nos das palavras de Jesus: " Nem todo o que me diz Senhor, Senhor, entrará no reino dos céus"

Em Cristo,

Pr Ivair J. Lehm

07 janeiro 2011

EU ODEIO O EXTREMISMO FUNDAMENTALISTA

Todo mundo viu esta semana na tv e jornais, sobre o assassinato de um governador no Paquistão.
O pobre governador foi assassinado pelo próprio guarda costas. O motivo: o governador era a favor dos direitos da minoria cristã e pedia o perdão para uma mulher cristã acusada de blasfêmia contra o profeta Maomé.

Primeiro: o que entendem por blasfêmia?
Segundo: esta é a religião chamada de pacífica pelos meios de comunicação no Brasil?

Nunca vi um pastor pregar no púlpito de uma igreja, para os fiéis serem rebeldes as autoridades, e se levantarem contra as leis de seus país e fazerem guerra contra o ocidente e outras religiões...

Quantas vezes somos debochados em programas de tv como o super pop da luciana gimenes, onde os gays, avacalham com os evangélicos, além de intelectuais, pensadores, filósofos, novelas da Globo que zombam abertamente da fé, de Cristo e sua Palavra, e nunca ví nenhum cristão, evangélico ou católico, fazer um atentado em nome de Jesus.

O Paquistão é um dos países mais perseguidores aos cristãos e outras religioões no mundo, junto com a Indonésia, China, Coreia do Norte, Nigéria, Arábia Saudita, Emirados Árabes, etc...
O interessante é que a maioria desses países são de maioria absoluta Mulçumana, se submetem ao Corão...é lamentável que as reportagens da midia são sempre destacando o lado bom e bonito do islã, dos países árabes mulçumanos, do tipo dança do ventre, comida, filosofia, etc...

Quando ouvimos de homens bomba, sempre são do grupo Hamas, Hesbolah, Jihad Islâmica, Al Qaeda, enfim...dificilmente vemos uma atitude assim em países cristãos.

As maiores democracias do mundo foram criadas por cristãs, como a Holanda, Belgica, Suiça, França, Estados Unidos, BRASIL, ....

O que entendo é o seguinte: onde os mulçumanos são minoria, eles pregam a liberdade de religião, onde são a maioria, a pregação é diferente: "temos que guerrear (Jihad), contra os servos de satã" se refereindo as religiões cristãs, espíritas, budistas, etc....

E ainda vejo a Globo repetindo em sua programação a novela o Clone, numa exibição aberta de defesa ao islamismo.

Que Deus em Cristo Jesus, o verdadeiro Senhor, tenha misericórdia dos paquistaneses, e que possamos orar e pregar naquela e em outras nações islâmicas....

Em Cristo,

Pr Ivair J. Lehm

PESSOAS QUE ME SEGUEM

EM DEFESA DA PALAVRA DE DEUS

EM DEFESA DA PALAVRA DE DEUS

NOTÍCIAS CRISTÃS

VOCÊ PODERÁ GOSTAR TAMBÉM: